UNSPSC: o que é esse código e quais são os benefícios?

Klassmatt

Líder na América Latina em Saneamento, Governança e Big Data de Dados Mestres

topo UNSPSC

Navegue

Desenvolvida pelas Nações Unidas, a sigla UNSPSC significa United Nations Standard Products and Services Code. Trata-se de um código padrão global, aberto e multissetorial, que visa classificar serviços e produtos de maneira precisa e eficiente. Confira mais sobre esse sistema de categorização, a seguir.

Saiba mais sobre UNSPSC

De alcance e utilização mundial, a sigla UNSPSC foi criada em 1998 pela UNDP e pela Dan & Bradstreet Corporation (D&B). Desde 2003, a convenção hierárquica é gerenciada pelo GS1 US para o Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas (UNDP).

GS1 é uma organização neutra, sem fins lucrativos e multissetorial. Ele desenvolve e mantém padrões de alcance mundial para promover uma comunicação empresarial mais eficiente. A associação mantém uma sede no Brasil para colaborar com os negócios locais.

Como a composição do código UNSPSC funciona?

Essa padronização classificatória pode ser considerada semelhante ao código de barras EAN, acrônimo para European Article Number. A única diferença é que ele utiliza três algoritmos para cada hierarquia.

Para entender melhor a composição do UNSPSC, saiba que ele é formado por uma classificação hierárquica de cinco níveis. O segmento, a família, a classe, a mercadoria e a função de negócios são representados no código por dois dígitos.

Para quê o código UNSPSC serve?

Pode ser utilizado para diversas finalidades comerciais. Com ele, as empresas conseguem melhorar ao máximo o processo de compras, por exemplo. Isso porque, com o cadastro de produtos, é possível encontrá-los de maneira mais rápida e eficiente.

O código também serve para aumentar a visibilidade da análise de despesas da companhia: mais nitidez nos gastos e imposto sobre produto, por exemplo. Ele ainda ajuda na exploração mais rica do potencial que o e-commerce pode oferecer.

De maneira geral, pode-se afirmar que ele auxilia na automação dos procedimentos e na gestão da cadeia de suprimentos. Com isso, empresas de diferentes segmentos são beneficiadas, começando pela obtenção da matéria-prima e indo até a entrega do produto finalizado ou do serviço ao cliente final.

O código também pode ser apresentado por empresas requisitadas por agências governamentais. Distribuidores e varejistas ainda podem usá-lo para constatar o modelo de negócio ou o tipo de mercadoria.

Benefícios do UNSPSC

As vantagens da implementação do código aos sistemas de gerenciamento de compras estão relacionadas, principalmente, às partes envolvidas na cadeia de suprimentos de uma empresa. Dessa maneira, é estabelecida uma forte ligação com a prática de procurement no setor de compras para aumentar a eficiência.

Nessa prática, vários benefícios merecem destaque. Um deles é o aperfeiçoamento na identificação das despesas das companhias com compras para saber quais são os produtos que geram mais custos, por exemplo.

Além disso, há uma otimização de tempo com processos de corretoras, bolsas de compra on-line e outras plataformas associadas para achar os produtos necessários para prover a empresa.

O código das Nações Unidas ainda auxilia na tomada de decisões mais inteligentes graças à identificação precisa dos padrões de compras dos departamentos do negócio. Assim, consegue-se aproveitar melhores oportunidades de negócio, reduzindo os custos de aquisição, pois está associado às ofertas dos fornecedores.

UNSPSC e PDM (Padronização Descritiva de Materiais)

De grande relevância para as empresas, a PDM é uma metodologia de saneamento de cadastro. Ela auxilia as empresas a organizarem logisticamente o material de trabalho, utilizando descrições, padrões e identificações para cada item, normalmente com códigos somados a um programa virtual.

A relação da PDM com o UNSPSC está justamente na fase de implementação do primeiro. Nessa etapa, são definidos os critérios e padrões utilizados.

Há duas classificações mais utilizadas: a primeira é o código das Nações Unidas e a segunda é o cadastro NCM. A Nomenclatura Comum do Mercosul é mais indicada para as empresas que estabelecem relações comerciais com os países-membros do bloco econômico, pois padroniza a linguagem entre eles.

Assim como o UNSPSC, ela é formada por um código de oito dígitos. Enquanto os seis primeiros algoritmos estão relacionados à classificação SH (Sistema Harmonizado), os dois finais correspondem às especificações privativas do Mercosul.

Implemente a metodologia PDM na sua empresa com a Klassmatt

Para ajudar empresas de todos os portes a organizarem os produtos e as mercadorias em uma padronização descritiva, a Klassmatt desenvolveu um software gratuito. Com o KlassLite, você realiza tudo de maneira muito rápida e simples, independente do nível de conhecimento que dispõe.

Além disso, não há a necessidade de baixar nenhum programa adicional. Basta preencher um formulário rápido para receber o link por e-mail e realizar o download, juntamente com um vídeo explicativo de como utilizar a ferramenta. Para baixá-lo, é só clicar aqui!

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Foto Jivo

Marcieli Vaz

Online

Olá, Como posso ajudar?