Gestão de estoque: 10 erros clássicos

Segundo pesquisas recentes, mais de 70% das empresas costumam perder vendas devido aos problemas no processo de gerenciamento de produtos e ferramentas em seus estoques.

Klassmatt

Líder na América Latina em Saneamento, Governança e Big Data de Dados Mestres

topo Gestao de estoque

Navegue

O estoque é uma das áreas mais valiosas de uma empresa do setor varejista do ponto de vista contábil. No entanto, a má gestão de estoque é uma realidade que prejudica negócios de todos os portes no Brasil.

De acordo com pesquisas analisadas pela Klassmatt, mais de 70% das empresas perdem vendas. O motivo são os problemas oriundos do processo de gerência de mercadorias e ferramentas dos estoques. Venha saber mais sobre os 10 principais erros de má gestão e como evitá-los.

O que é exatamente uma má gestão de estoque?

A má gestão de estoque pode ser definida como um conjunto de práticas e planos errados, que podem comprometer a segurança dos produtos no estoque de uma empresa. Todos os processos entram em estado de risco, podendo ter perdas sem reparos para os itens e atendimento junto ao cliente final.

Os dez principais erros na gestão de estoque

Boa parte dos principais erros no gerenciamento do estoque podem ser facilmente evitados com uma adequada gestão de dados de entrada e saída das mercadorias. Basta que a empresa busque orientações e promova um treinamento eficiente da equipe.

A seguir, confira os dez equívocos mais comuns presentes em empresas de diferentes segmentos e portes. Assim, você estará mais preparado para adotar uma conduta eficiente na gestão de estoque.

1 – Ausência de relatórios atualizados

Os relatórios são partes importantíssimas do processo de monitoramento do cadastro de produtos. Portanto, não dar a devida atenção a esse processo pode se tornar um grande problema. Com a falta dos dados atualizados, a equipe precisa atuar intuitivamente, o que gera excesso ou falta no estoque da empresa.

2 – Falta de acompanhamento dos movimentos do estoque

Um dos principais erros das empresas é não acompanhar devidamente os movimentos dos estoques. O prazo de validade de cada produto deve ser sempre verificado, por exemplo. Assim, é possível ter noção das condições de cada mercadoria e fazer uma projeção de lucro sobre os ativos dos itens estocados.

3 – Falta de treinamento da equipe

Ter uma equipe treinada adequadamente é essencial para manter o funcionamento do estoque de forma eficiente. Com o passar do tempo, a ausência de treinamento pode acarretar erros e inconformidades, os quais podem gerar resultados negativos para o negócio.

4 – Excesso de locais de armazenagem

Outro erro comum na gestão de estoque é o uso de muitas instalações para o armazenamento de itens sem contabilizar adequadamente os custos de cada ponto de armazenagem ou a real necessidade.

Muitos negócios enchem espaços com o mesmo produto, acreditando que ele tem um volume elevado de vendas, por exemplo. No entanto, na prática, essa alta demanda não é uma realidade.

5 – Ausência de organização

Há sérios riscos envolvidos quando a empresa não conta com uma organização adequada do estoque. Quando o espaço físico do setor de estocagem é bem aproveitado, os processos do dia a dia são otimizados. Uma dica é deixar os produtos mais vendidos armazenados em locais de fácil acesso.

6 – Falta de controle de estoque

Quando os donos e os gestores do negócio não conseguem verificar o estoque corretamente, podem ocorrer problemas, tais como itens duplicados no cadastro. Realizar revisões é fundamental, assim como contar com uma metodologia de padronização descritiva de materiais (PDM).

7 – Ausência de regularidade para a qualidade na gestão de estoque

A falta de regularidade na verificação da qualidade das mercadorias alocadas no armazém da empresa também pode ser a razão de uma má gestão de estoque. É essencial realizar estudos da qualidade do estoque para gerar melhores resultados para a empresa.

8 – Interrupção das operações

Deve-se evitar que as operações de gerência, relativas aos estudos, parem. A empresa sofre consequências, adotando um processo sem eficiência. Portanto, não importa que seja causado por ignorância da equipe ou alteração nos produtos e local do armazém, essa prática deve ser prevenida.

9 – Distância entre armazéns e local de trabalho

É comum que algumas empresas mantenham a matriz ou a filial em um endereço central, enquanto os armazéns ficam em locais distantes por conta do baixo valor do aluguel. Contudo, isso prejudica a empresa, pois ocasiona atrasos de entrega e dados, por exemplo.

10 – Falta de inventário

Uma das tarefas indispensáveis de uma empresa é a realização de uma lista atualizada dos itens disponíveis no armazém e aqueles comprados, estocados e vendidos. A ausência de processo ou CRM que possibilita o controle de cada produto por quantidade e preço prejudica a saúde financeira do negócio.

Tenha uma gestão de estoque eficiente com a ajuda da Klassmatt!

A Klassmatt pode ajudar você a realizar um ótimo gerenciamento de estoque para fortalecer ainda mais o seu negócio e destacá-lo no mercado. Para isso, conte com a plataforma, que oferece saneamento e governança de dados.

Assim, você conseguirá realizar um efetivo gerenciamento de dados mestres do seu estoque, facilitando a comunicação interna. Continue navegando no site para conhecer os serviços ou entre em contato com a equipe para obter mais informações.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Foto Jivo

Marcieli Vaz

Online

Olá, Como posso ajudar?